Gerenciamento de resíduos recicláveis

No Brasil a indústria reduziu drasticamente a poluição do ar, mas o descarte indevido e em locais clandestinos tem provocado uma considerável poluição do solo e tem contaminado também as águas subterrâneas (lençóis freáticos). O gerenciamento dos resíduos sólidos industriais é um dos mais importantes trabalhos para a preservação do meio ambiente, um trabalho executado com total transparência, competência e responsabilidade pela RECBRAS.

Praticamente toda atividade industrial é obrigada pela lei ambiental a apresentar periodicamente um relatório que demonstre: quantidade, tipo, características físico-químicas, formas de armazenamento, estoque e destinação dos resíduos gerados. Este é o papel que a Recbras desempenha junto à conceituadas empresas como Ambev, BRF, Aurora, Standard e Seara entre inúmeras outras. Atuando dentro das empresas nosso pessoal especialmente treinado executa todos os procedimentos de acordo com as normas vigentes.

A destinação, tratamento e disposição final dos resíduos devem seguir a Norma 10.004 da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) que classifica os resíduos conforme as reações que produzem quando são colocados em contato com o solo.

A manipulação correta de um resíduo tem grande importância para o controle do risco que ele representa, pois um resíduo relativamente inofensivo, em mãos inexperientes pode transformar-se num risco ambiental bem mais grave, daí a importância de se contar com um parceiro como a Recbras que está totalmente preparada para dar todo o suporte e orientação para sua empresa. 

A RECBRAS possui as principais licenças para operar neste mercado entre elas:

  • LAO - Central de Triagem de Resíduos Sólidos;
  • AFT - Anotação Função Técnica;
  • AFE - Autorização Funcionamento da Empresa;
  • LAO - Serviço de Coleta e Transporte de Resíduos Industriais Classes IIA e IIB;
  • PPRA - Programa de Prevenção de Riscos Ambientais;
  • PCMSO - Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional.